Cotidiano BC 02/09

João Passos é ativista político com forte atuação com a juventude

Certidão de Nascimento

Iniciamos hoje uma coluna que pretende opinar sobre os fatos ocorridos no dia a dia de Balneário Camboriú, e temas gerais. A coluna será aberta a críticas e sugestões, porém, neste espaço não se fará matéria jornalística, e sim iremos analisar os fatos através do olhar dos colunistas, que irão se revezar em opiniões. A intenção da coluna não é agradar e sim trazer assuntos de interesses dos leitores, nasce, portanto, um momento importante, inicia-se a coluna Cotidiano BC.

Polêmica à Vista

O vereador Leonardo Piruka protocolou na Câmara Municipal o projeto de lei "Escola sem Partido". O nome é um subterfúgio para mascarar a tentativa de calar a voz de professores e estudantes, não permitindo que se fale de temas que na opinião do vereador são impróprios. Vejamos que é impróprio ajudar o estudante a pensar, falar com eles dos perigos da vida adulta, o projeto chega ao absurdo de proibir até mesmo a manifestação dos estudantes, já vi isto antes no mundo e nada me convence que calar a voz do povo não é o caminho certo. A história já mostrou quando livros eram queimados em praça pública o final foi um desastre, pelo menos para a Alemanha.

Reforma política no Brasil é como reforma de igreja

Os antigos falavam que reforma de igreja nunca acaba. Parece ser esta a realidade da reforma política que há anos tentam fazer no Brasil e mais uma vez deve empacar na falta de direção. Aposto 10 centavos que mais uma vez não se fará reforma alguma e talvez somente se aprove o fundo eleitoral.

Pegando fogo

Os bastidores da política em Balneário estão pegando fogo. A mudança de partido feita por Ary Souza, o coloca claramente na disputa de uma vaga na Assembleia Legislativa no ano que vem. Alguns estariam falando em uma dobradinha entre Ary e o vice-prefeito Carlos Humberto, somente faltando decidir quem irá a Deputado Federal e a estadual, será? Isto somente o tempo responderá, mas para isso, é preciso antes uma aproximação do PPS e do PR e resta saber quem dará o primeiro passo.

Muita gente falando

Com as redes sociais agora todo mundo é analista de tudo, tem opinião de futebol, política e religião. Boa parte sem fundamentação ou critério, a onda do momento é querer administrar a cidade via whatsapp. É tanta gente falando tanta coisa que mesmo que alguém decidisse usar as opiniões ali para fazer uma administração seria impossível agradar mesmo assim.




linhapopular sim




Logo branca.png

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina