Cotidiano BC 27/09

João Passos é ativista político de Balneário Camboriú com forte atuação com a juventude

A cara de pau não tem limites

A Cruz Vermelha do Rio Grande do Sul, a mesma da CPI do Ruth Cardoso, convidou os Vereadores para conhecer sua capacidade administrativa. O vereador Joceli Nazari lembrou da tribuna da Câmara que a cidade já conhece a Cruz Vermelha do Rio Grande e que a mesma deixou dívidas e um legado de falta de confiança pela sua administração desastrosa que acabou em CPI e procedimento instaurado no Ministério Público.

A cidade não merece nem cogitar a volta desta instituição para a administrar o hospital e torcemos que eles tenham sucesso em lugar bem longe daqui.

Parada da Diversidade

A Prefeitura deu um verdadeiro tiro no pé proibindo a Parada da Diversidade em Balneário Camboriú, não se pode com a argumentação de que atrapalha o trânsito, ou não é de interesse econômico proibir a livre manifestação, a parada de São Paulo também iniciou pequena e hoje é uma das maiores atividades lá, o público que frequenta a parada é dos que mais gasta em turismo e temos na cidade várias outras manifestações seja religiosa, política ou cultural.

Coibir

Ainda sobre a parada, a fala de muitas pessoas de que atos obscenos ou atentado ao pudor aconteceria durante o evento é obrigação das forças de segurança coibir este tipo de ação e até mesmo prender se necessário for quem as promove, no entanto isto não pode servir de desculpa para não realizar um evento.

Pontos de milho

A polêmica dos pontos de milho na entrada de uma temporada de verão não ajuda a cidade, somente atrapalha, até porque quem não gostou do novo modelo poderia ter falado antes das obras estarem adiantas. Agora a reclamação é apenas midiática.



linhapopular sim




Logo branca.png

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina