Conversa Jurídica

Sobre consistência

Por João Capistrano

Caro leitor, é chegado o final de 2019 e, aliás, essa edição do Linha Popular que você está lendo também é a última do ano, por isso, peço sua licença para escrever, hoje, sobre algo que foge dos habituais temas jurídicos que compartilho aqui todas as semanas. 

Final de ano é sempre momento de realizar um balanço pessoal dos acontecimentos desses últimos 11 meses, quase 12, considerando que resta agora apenas uma semana para acabar o ano. 

Para alguns, o final do ano é sinônimo de esperança. Para outros, pode significar ou trazer alguma angústia. E, ainda, há quem não comemore o final de 2019 na próxima semana, por não seguir o calendário gregoriano e tampouco considera que estejamos, propriamente, em 2019 às vésperas de 2020. 

Perdoe-me essa última divagação, que pode ter escapado do norte que pretendo trilhar.  

A reflexão que proponho nessa edição é, em primeiro lugar, um agradecimento à atual administração do Linha Popular que, desde novembro de 2018, confia na minha pessoa para ser colunista do editorial. 

A segunda, está relacionada com essa experiência que completou 1 ano no último mês.  

Desde novembro de 2018, tenho contribuído com uma coluna por semana para o Linha Popular de 2500 caracteres. Esse compromisso me fez gerar uma produção de conteúdo de, exatamente, 56 textos (57 com esse), mais de 25 mil palavras escritas e mais de 130 mil caracteres redigidos. 

Esses resultados, por sua vez, ensinaram-me sobre "consistência". 

Não cheguei a essa produção de um dia para a noite, mas sim na soma dos últimos 12 meses. Inclusive, alguns textos compartilhados aqui me fizeram estudar coisas novas que na correria do cotidiano nunca dei atenção. 

Esse ano de 2019, dentre outras situações e também por conta dessa coluna, me ensinaram que "consistência" não é um patamar a ser atingido, como o último degrau de uma escada. Consistência é fazer um pouco todo dia. De pouco em pouco. A verdade é que você não É consistente, mas você ESTÁ consistente. E a consistência é um trabalho de executar hábitos com disciplina dia após dia. Estar consistente é um desafio, mas o resultado é satisfatório. 

Se 2019 pôde me ensinar alguma coisa é isso que hoje compartilho com você. Espero, em 2020, exercitar mais a ainda esse estado de espírito da consistência. E convido, você, a fazer o mesmo. 

Por hoje é isso. 

Desejo-lhe boas festas de final de ano, curta com a família e amigos. 

Aproveite o momento, no fim, é só isso que importa. 

Até a próxima e fique bem! 

 



linhapopular sim




Logo branca.png

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina