Linha Literal

Despedida

Por Michel Goulart da Silva

Escrevo este texto como despedida do jornal Linha Popular, depois de um ano de contribuição. Esta foi possivelmente uma das principais experiências que vivi no período recente, marcado tanto por importantes acontecimentos na minha vida pessoal como para a situação política e social do Brasil. 

Possivelmente a principal marca desse período de contribuição com o jornal foi do aprendizado, em, pelo menos, dois aspectos. O primeiro da disciplina de toda semana, em um dia previamente definido, ter que enviar uma reflexão sobre aspectos da cultura, buscando respeitar a diversidade temática.

O segundo aspecto tem relação com o próprio processo de construção desses textos, os quais não poderiam surgir do vazio ou de uma decisão aleatória. Sempre havia a necessidade, por um lado, de pesquisar minimamente sobre o que se escreveria e, por outro, de construir uma reflexão que valesse a pena ser lida.

Uma outra marca importante para mim nessa experiência possivelmente foi a liberdade que sempre me foi dada. Nunca houve imposição de tema por parte do editor, embora eventualmente houvesse algumas sugestões (o que ajudava bastante principalmente em momentos de falta de criatividade de minha parte). E, muito menos, houve qualquer tipo de cerceamento ao conteúdo. Pelo contrário, por mais polêmicos que pudessem ser os temas ou algumas das afirmações por mim escritas, o editor nunca pediu mudanças ou cortes.

O Linha Popular é uma experiência de jornalismo sem censura, plural e que visa mostrar aos seus leitores a realidade, sem esconder sua percepção sobre os fatos e, principalmente, sem deturpá-los. Numa época em que as notícias falsas brotam sabe-se lá de onde a toda hora, ter uma imprensa que se dispõe a investigar os fatos e escrever sem se confundir com os interesses políticos imediatos é um privilégio para quem tem a oportunidade de lê-lo.

Não sei se nesse período conquistei algum leitor que tenha se interessado em acompanhar toda a semana a coluna, mas acredito que os vários textos foram lidos por algumas pessoas. Espero ter dado alguns bons momentos de reflexão, seja apresentando filmes e livros novos, além de séries interessantes, seja propondo reflexões que talvez tenham contribuído para ajudar na interpretação do mundo em que estamos inseridos.

Por fim, agradeço a oportunidade que me foi dada pela equipe do jornal, sempre prestativos e atenciosos com tudo, bem como aos seus leitores. Certamente voltaremos a nos encontrar, trocar ideias e ajudar um ao outro.



linhapopular sim




Logo branca.png

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina