Saiba como identificar e controlar o excesso de açúcar no sangue

25 Novembro 2017 08:40:12

Rogério Tolardo
Rogério Tolardo é Farmacêutico / Consultor de Negócios, Mestre em Ciências Farmacêuticas pela Univali, com MBA em Gestão Empresarial pela FGV

O excesso de açúcar no sangue, também conhecido como hiperglicemia, ocorre quando os níveis de glicose (açúcar) na corrente sanguínea em jejum apresentam índices acima de 100 mg/dl. Esta situação quando não tratada pode trazer sérias consequências à saúde, portanto, compreender e saber tratar o excesso de açúcar no sangue são fatores primordiais para uma vida mais saudável. 

Consumir frequentemente alimentos ricos em açúcar, como: balas, bolos, refrigerantes, biscoitos e chocolates podem contribuir para o aumento dos níveis de glicemia no sangue e, por vezes, não causar sintoma algum. O problema é que a hiperglicemia por longos períodos gera consequências à saúde de forma silenciosa e perigosa. 

Quando as taxas de açúcar não são identificadas por longos períodos de tempo, o organismo pode apresentar alguns sintomas: 

? Sede constante 

? Cansaço físico

? Aumento na vontade de urinar (sobretudo à noite)

? Enjoo

? Pele ressecada

? Sonolência

? Visão embaçada ou embaralhada

? Formigamentos nas mãos ou nos pés

? Dores de cabeça

? Perda de peso repentina e inexplicada

Alguns fatores podem influenciar no aumento dos índices de açúcar no sangue: 

? Estresse 

? Tabagismo

? Sedentarismo

? Uso de alguns medicamentos

? Excesso de peso corporal

? Ingestão impulsiva por doces

Em alguns casos de hiperglicemia ou quando os níveis de glicose estão estabelecidos no pré-diabetes, não é necessário fazer uso de medicamentos, os cuidados devem partir de alimentos com baixa taxa de açúcar e carboidratos, dando preferência a vegetais e alimentos integrais. 

Uma dica útil para controlar as taxas de açúcar no sangue é procurar ingerir alimentos que contenham baixos níveis glicêmicos. Estes alimentos podem ser absorvidos de forma mais lenta e consequentemente fazer os açúcares presentes se elevarem na corrente sanguínea de forma mais controlada ou gradual, proporcionando um equilíbrio. 

Veja alguns exemplos destes alimentos: 

? Iogurte Natural 

? Brócolis

? Cenoura

? Grão de bico

? Feijão branco

? Batata doce

? Lentilha

? Limão

? Melão

? Maçã

? Pera

? Quinoa

? Brotos de alfafa

Quando os níveis de glicose no sangue estiverem constantemente elevados ou quando o diabetes for diagnosticado, é necessário fazer o uso de medicamentos antidiabéticos, neste caso, o médico realizará exames que comprovem a necessidade do uso destes medicamentos e apontará para a melhor opção de escolha. 

Pessoas que comprovadamente apresentam elevadas taxas de glicose por longos períodos, devem ter muito cuidado com os picos de glicemia, procurando seguir alguns cuidados: 

? Evitar comer doces excessivamente açucarados ou frutas isoladas das refeições ;

? Procurar se alimentar em intervalos regulares de três horas com pequenas refeições ;

? Procurar caminhar após as principais refeições e evitar dormir ou deitar .

Na presença dos sintomas da hiperglicemia, consulte um médico clínico geral ou endocrinologista para um diagnóstico específico, além do médico, um nutricionista pode ser de grande ajuda para estabelecer uma orientação em questões importantes do que pode ou não comer e quando comer. 

Hiperglicemia quando não tratada pode trazer sérias consequências à sua saúde. Procure se alimentar de forma saudável, pratique exercícios físicos e a qualquer sintoma procure ajuda médica. 



linhapopular sim




Logo branca.png

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina