Câmara de Camboriú aprova moção de repúdio contra deputado Salum


Na sessão ordinária desta terça-feira (13) a Câmara de Vereadores de Camboriú aprovou por unanimidade a moção de repúdio contra o deputado estadual Roberto Salum (PRB) proposta pelas vereadoras da Casa. A moção deu entrada na semana passada conforme publicada na coluna da edição impressão do Jornal Linha Popular do último sábado, do qual, reproduzo aqui no site duas notas abaixo. 

Repúdio

As três vereadores da Casa, Jane Stefenn (REDE), Inalda do Carmo (DEM) e a presidente Márcia Freitag (PSDB) deram entrada com uma moção de repúdio ao deputado estadual Roberto Salum (PRB) que ao discutir com a deputada Ana Paula Lima (PT), afirmou que "gostaria de debater com o marido dela [o deputado federal Décio Lima], que é homem, não com mulher". A declaração machista obviamente tem sido respondida com denúncias e protestos. A moção deve ir à votação na próxima semana.

Mulheres unidas


Divulgação/CVC/

Não foi a única ação em conjunto do trio. No dia 8, encabeçado por Jane, elas promoveram um evento especial em homenagem ao Dia da Mulher com direto a palestras sobre os direitos das mulheres, as lutas e a necessidade de empoderamento e puderam discutir sobre a realidade.




linhapopular sim




Logo branca.png

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina