Deputado preso fez quase 4 mil votos em Camboriú

08 Fevereiro 2018 16:56:00


O Deputado Federal João Rodrigues (PSD/SC) foi preso na manhã desta quinta-feira (08) pela Polícia Federal em Guarulhos (SP). Ele teve a prisão ordenada pelo Supremo Tribunal Federal esta semana. Rodrigues foi condenado em segunda instância a cinco anos e três meses de prisão em regime semiaberto por fraude e dispensa de licitação cometidos quando assumiu por 30 dias como prefeito interino da cidade de Pinhalzinho, no Oeste, em 1999.

Ele foi julgado dez anos depois pelo Tribunal Regional Federal (TRF-4) - o mesmo que condenou o ex-presidente Lula, quando já era prefeito de Chapecó.

Nas Eleições de 2014, João Rodrigues teve forte apoio do governo Luzia Coppi (PSDB) e sua base aliada somando no município 3.859 votos. Apenas o atual prefeito de Balneário Camboriú, Fabrício Oliveira, foi mais votado que ele para deputado federal em Camboriú.


Agência Câmara/




linhapopular sim




Logo branca.png

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina