Notas da Redação

Notas da Redação 546

Por Antonio Luiz Tecau

Festa no interior

Parece que voltou o comércio ilegal de barro no interior do município. A denúncia partiu do vereador Zeca Simas, do DEM, que usou a tribuna na primeira sessão ordinária de 2020 para falar desse crime ambiental. O assunto, aliás, foi capa do LP, na edição de 16 de fevereiro de 2019. Na época, a FUCAM tomou as providências cabíveis, multando a empresa envolvida no imbróglio. Ao que tudo indica, o comércio voltou a ser feito através de intermediação do mesmo servidor público envolvido há um ano. Mesmo com a denúncia, o prefeito decidiu manter o servidor no cargo, que segundo relato do presidente da Câmara, segue vendendo carradas de barro para a comunidade do interior. Entrei em contato com a FUCAM, que enviou a seguinte resposta: "Há um ano atrás (exatamente) recebemos uma denúncia de terraplanagem sem autorização ambiental, com possível venda de material, oriundo de abertura de estradas no interior de Camboriú. Na oportunidade, foi possível constatar que de fato houve intervenção sem licença, bem como, conseguiu-se apurar um local onde foi levado (ao menos parte) do material. Os responsáveis pela intervenção foram identificados em flagrante, sendo gerados 3 autos de infração ambiental administrativa na oportunidade. A FUCAM realizou acompanhamento da situação na época e não constatou sua continuidade, bem como, não foi formalizada denúncia na instituição, sobre o retorno da prática, até o presente momento. A partir da fala do vereador Zeca Simas, em tribuna, a situação será novamente apurada e tomada as providências cabíveis".

Alalaô

Prefeitura de Camboriú anunciou, em sua página oficial no Facebook, que pelo quarto ano consecutivo não gastaria dinheiro com eventos relacionados ao carnaval. A publicação causou diversas reações dos seguidores da página, mas a maior parte ironizou a mensagem. Todo munícipe sabe que nenhuma gestão investiu em carnaval antes, na história do município. O disparate é tanto que seria o mesmo que dizer que não vai gastar com gasolina, não tendo um carro para abastecer Ou que não vai mais gastar com carne sendo vegetariano. A reação dos internautas foi tão intensa que a prefeitura retirou a postagem do Facebook. Mas teve quem deu print e postou de novo, para diversão de muitos e irritação de alguns.

Dança das cadeiras

Mudança no comando da Fundação Municipal de Esportes: o empresário Altair Kadiz, que assumiu a pasta em 2017, vai deixar o cargo temporariamente. Kadiz entra em licença médica. Em seu posto, assumirá interinamente Andrea Abrão Maciel. Andrea cursa o 3º período do curso de História na Uniasselvi, e deve permanecer no cargo até dia 30 de março, quando acaba a licença de Altair. Aliás, essa deve ser a primeira de muitas mudanças no primeiro escalão do governo Elcio durante 2020, já que alguns secretários devem concorrer a cargos na Câmara Municipal de Vereadores. Talvez até algum secretário faça dobradinha com Elcio em busca da reeleição. A vaga de pré candidato a vice-prefeito continua em aberto.

Por ora, é isso.




linhapopular sim




Logo branca.png

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina