Black Friday

Black Friday: comércio aposta na data para aquecer as vendas

As lojas da região têm apostado em descontos exclusivos para alavancar as vendas nesta sexta-feira

Na loja Hiper 10, durante a Black Friday, os produtos estarão por no máximo 20 reais

Por Nicolle Prado 

A última sexta-feira do mês de novembro vem há alguns anos sendo marcada por grandes promoções em diversos setores. A Black Friday, como é chamada, acontece nesta sexta-feira (29) e promete grande descontos para a população.

Na maioria dos comércios, a semana já foi marcada por descontos e ofertas. Um desses casos é a Ótica Diniz, localizada em Balneário Camboriú. Karine Leal, dona da ótica, conta que durante toda a última semana, foram oferecidos descontos, mas que na quinta e na sexta-feira, foram intensificadas. "Estamos com super promoções, preços realmente de black friday", conta. Na loja, os descontos chegam à 70% em quase todos os produtos, incluindo lentes e armações de grife.

Na Ótica Diniz, os descontos serão de até 70%

A consumidora Iolanda Novinski conta que dificilmente participa das promoções de Black Friday, mas que este ano pretende dar uma passada pelo comércio, para conferir os descontos.

Uma pesquisa encomendada pela Google Brasil e realizada pela Provokers com 1.500 brasileiros indica que no ano de 2019, as lojas físicas terão um aumento de consumidores e poderão visualizar de forma inédita a Black Friday. Será a primeira vez que o online e offline poderão se igualar no número de vendas. De acordo com o estudo, a maior parte dos brasileiros faz a pesquisa de preços online, mas acaba comprando na loja física, principalmente pela confiança no comércio presencial.

"O comércio em geral passou momentos difíceis esse ano, mas estamos olhando para o futuro próximo com uma ótima expectativa", conta Adilson Martins, dono da loja Hiper 10, no centro do município. Além disso, ele conta que logo no começo da semana, pode ver um grande passo nas vendas, que já se encaminham para as compras de final de ano. Em sua loja, a estratégia para a Black Friday foi apostar em uma promoção 'agressiva', colocando todas os produtos da loja por no máximo 20 reais. "Entendemos que é um dia diferenciado, aproveitando a primeira parcela do décimo terceiro também, a Black Friday vem em boa hora para nosso comércio", conta o empreendedor.

Adilson Martins, proprietário da loja Hiper 10

 Além da primeira parcela do 13º terceiro, outro fator que promete alavancar as vendas neste ano é a liberação do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Daniela da Silva, funcionária da loja Via Empório, localizada no centro de Camboriú, conta que percebeu um crescimento nas vendas em relação ao ano anterior. "Ta mudando a economia, com o FGTS, o pessoal acaba pagando as contas e o que sobra, eles aproveitam para realizar as compras", afirma.

A funcionária também diz que durante toda a semana o movimento foi grande e que tem saído diversas peças. "A loja toda está com descontos, inclusive na coleção nova, que está com 20%", afirma.

Daniela da Silva conta que por conta do 13º e da liberação do FGTS, a expectativa é que as vendas sejam maiores este ano

Maria Souza, moradora de Camboriú, costuma aproveitar todos os anos as promoções de Black Friday. Neste ano, ela decidiu comprar um celular novo, mas afirma que têm um certo receio, pois muitas vezes, não sabe se o desconto é real. "Pelo que eles dizem as promoções são melhores, mas não sei se vai valer", conta.

Evitar esse tipo de fraude em lojas presenciais é um pouco mais difícil, já que é necessário acompanhar o preço antes do começo da promoção. Mas para quem decide comprar online, há sites que disponibilizam o histórico de preços e até mesmo criam alertar para quando o produto atingir o preço desejado, tais como: Black Friday de Verdade, BondFaro, Buscapé, JáCotei e Zoom. Inclusive, os dois últimos prometem identificar as ofertas reais, para que o consumidor não seja enganado.

Enquanto isso, as lojas presenciais têm se preparado para atender o consumidor e ajudá-lo a adquirir o produto desejado pelo melhor preço. "Preparamos além de uma super promoção, brindes especiais e um atendimento diferenciado", conta Karina.

 A expectativa é que com a Black Friday, as vendas de final de ano também sejam impulsionadas. Os empreendedores estão otimistas com as vendas, principalmente porque durante a semana a procura tem sido grande. "Ano passado foi bom, mas esperamos que esse ano seja ainda melhor", finaliza Karina.





linhapopular sim




Logo branca.png

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina