Lar Padre Antônio Dias recebe quinzenalmente visita de cães

Idosos têm a oportunidade de interagir, brincar e acariciar os animaizinhos

O bem que o carinho de um animal de estimação faz ao ser humano já é algo comprovado, independente da idade. Por isso, é cada vez mais comum os pets serem utilizados como companheiros emocionais ou ajudantes em tratamentos como depressão e ansiedade. Há um ano, Jaqueline Gerola, dona do Pet da Jake, leva seus cachorros até o Lar Padre Antônio Dias proporcionando bem estar e alegria para os idosos que vivem no local.  

O Projeto é uma parceria entre a Fundação Lar Padre Antônio Dias e o Pet da Jake, e começou no primeiro semestre de 2019. A visitação é quinzenal e permite a interação dos idosos com os animais. O objetivo é ajudar no bem estar, convivência e até mesmo na saúde dos residentes.

 "Essa iniciativa remete ao lar e aos animaizinhos que os idosos tinha em casa. A interação é muito interessante porque tem toda essa coisa que mexe com o sentimental, com o fato deles terem os animaizinhos, e essa troca de carinho entre eles", explica Paolla Hoffmann, coordenadora do lar da terceira idade.

A atividade dura de trinta a quarenta minutos. Jaqueline reveza os animais, geralmente leva quatro cães que ela tem, porém, às vezes, leva os cães que estão no petshop sob os seus cuidados na interação, com autorização dos donos. "é uma atividade que tem dado certo, e já completou agora um ano", conta ela.

 A maioria dos internos aproveitam o carinho e atenção dos cães, brincam, abraçam, cantam e acariciam. Outros não, pois não gostam de animais, mas têm total liberdade e pedem para que os animais não cheguem perto, evitando a interação.

 "Sempre foi uma desejo, sou apegada aos avós, e pra mim, é uma recompensa estar aqui, mexe com o meu afetivo, com o meu sentimental, e no fim, essa atividade essa atividade é muito prazerosa, faço mais por mim do que por eles", diz Jaqueline.




linhapopular sim




Logo branca.png

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina