Terreno público é usado para descarte de lixo em Camboriú

11 Novembro 2017 08:36:00

Moradora reclama da situação e pede que local seja fechado

Foto: Schaline Rudnitzki/LP

Um terreno baldio no final da Rua Cabul, no bairro Santa Regina, passou a ser usado para despejo de materiais. Entre os lixos jogados no local, está pedaço de um estofado, peças de madeira e até lajotas de pavimentação.

A moradora Carolini Maffi Paterno, 24 anos, reclama que até vizinhos de outras ruas trazem lixo para o terreno que contorna toda a parte dos fundos e do lado do edifício onde reside. "Gostaria que os órgãos competentes fechassem esse terreno, nem que seja com um tapume, para os vizinhos desagradáveis pararem de jogar lixo", pede a pedagoga.

Vanessa Silva, 32 anos, mora no mesmo prédio e concorda com a pedagoga: apenas limpar não resolve o problema. Ela conta que quando limpam o local e cortam o mato acabam espalhando ainda mais o lixo. "A situação do local está cada dia mais precária, então o ideal seria limpar, cercar todo aquele terreno e colocar uma placa bem grande proibindo jogar lixo", opina.

Segundo Carolini apenas limpar não tem resolvido o problema. Além do lixo, fezes de animais também se acumulam no terreno gerando odor.

Em contato com a Secretaria de Planejamento, foi identificado que o terreno pertence à prefeitura. O Secretário de Obras, Eliomar Getúlio Pereira, o Má da Madeireira, informou que irá verificar a situação e iniciar a limpeza na próxima semana. "A demanda por limpeza é grande em diversos pontos da cidade e as equipes têm se empenhado para atender às reivindicações de terrenos públicos que precisam de manutenção", defendeu o Secretário.

Sobre a possibilidade de cercar o terreno, Má explicou que a Secretaria de Obras em conjunto com a Fucam mapeou os lotes públicos que estão sem utilização. O projeto para cercá-los está em planejamento, avaliando ainda quais os custos para o município.



linhapopular sim




Logo branca.png

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina