Eleições 2020

Vereadora Jane Stefenn é pré-candidata a prefeita nas eleições de 2020

Atual vereadora, ela não esconde a vontade de assumir o cargo para poder fazer mais pelo município

Faltando um pouco mais de um ano para as eleições municipais de 2020, Jane Stefenn é um dos nomes mais citados nas rodas políticas como pré-candidata a prefeita do município. Para saber sobre esta real possibilidade, o Linha Popular entrevistou Jane na última terça-feira, dia 03. A atual vereadora mais bem votada do município, já abriu a conversa declarando que "a intenção não é propriamente a política, mas não deixar a prefeitura e a cidade caírem em mãos erradas. Não deixar continuar do jeito que está, nem voltar ao passado", afirmou.

Além de ter sido destaque nas eleições municipais, em 2018 Jane foi candidata ao cargo de Deputada Estadual em Santa Catarina pelo partido Rede Sustentabilidade, sendo a segunda mais votada do município, porém não conseguiu se eleger.

Nos primeiros traços do seu plano de governo como futura possível prefeita, Jane vê como principal alternativa para o desenvolvimento de Camboriú o aumento da receita. Ao contrário do que muitos podem pensar, para ela esse desenvolvimento não deve ser feito através da criação de loteamentos. "Uma cidade só cresce quando ela aumenta a receita, para que possa dar qualidade de vida para a população. É necessário criar empregos, qualificar mão de obra, incentivar o empreendedorismo" comenta a vereadora. Ela acrescenta ainda que a população de Camboriú cresceu muito nos últimos anos, mas isso não significou o aumento de arrecadação, mas sim o aumento da pobreza e da demanda de serviços públicos.

Após ter se desligado da base do atual prefeito Elcio Kuhnen, a pré-candidata afirma não haver possibilidade de uma nova aliança com ele. "Tem certas alianças que eu não quero. Tem que arriscar para fazer o melhor para a cidade", comenta Jane, se referindo a possíveis outras alianças. "Eu prefiro ter liberdade em trabalhar com uma equipe técnica competente. Quero chamar para minha equipe quem eu achar que é necessário e se não der certo, poder mandar embora. Prefiro isso do que fazer aqueles acordos políticos e ficar de rabo preso com alguém".

Em relação a soluções para o saneamento básico, Jane pensa que esta é uma questão que deve ser discutida em nível nacional, e para resolver esse problema no município a alternativa pensada é buscar que as cidades participantes da Associação dos Municípios da Foz do Rio Itajaí (AMFRI) façam uma parceria, pois muitos trabalhos podem ser feitos de forma consorciada, sendo o saneamento básico e a segurança possíveis pautas tratadas em conjunto com a região.

Além disso, em suas primeiras propostas a pré-candidata pretende realizar uma reforma administrativa na prefeitura e investir em dois locais com potencial para atrair indústrias que gerem emprego e renda para o município, o Rio do Meio e a Várzea do Ranchinho.

Ao alterar o plano diretor e desenvolver um planejamento construtivo para essas localidades, Jane vê a possibilidade de um desenvolvimento econômico para a cidade. "Itajaí já está fazendo isso e seria uma opção entrar junto nessa, para também expandir essa relação com Itajaí", comenta.

Questionada sobre temas como saúde e a educação, que são pautas importantes para a cidade, Jane diz que não há como prometer que haverá mais contratações e melhora nesses serviços sem que haja orçamento. "Não adianta chegar e dizer: 'Eu vou fazer'. Mas tem dinheiro para fazer?", diz, lembrando que estas propostas só deverão ser debatidas mais profundamente durante uma futura campanha eleitoral.

Quando sonha com a possibilidade de uma candidatura futura, Jane diz que gostaria de ter oportunidade de melhorar a vida do povo camboriuense, por isso acredita que a solução seja investir no desenvolvimento econômico do município, atraindo pessoas que queiram investir aqui. Para que isso aconteça, Jane acredita que é necessário apresentar infraestrutura nos locais de potencial, ou seja, reestruturá-los e trabalhar redes de esgoto, alimentação e água, para que assim atraiam novos empresários. "A prioridade é deixar a cidade preparada para um futuro melhor", afirma a atual vereadora.

A pré-candidata ainda indica os quesitos que ela julga necessários para ser uma boa prefeita ou um bom prefeito de Camboriú. "é preciso ser um bom gestor ou um bom político, com visão do que a cidade precisa, para assim contratar uma equipe competente que auxilie o governo".

Além disso, Jane preza que o dinheiro do município fique nele, ou seja, utilizar a mão de obra camboriuense, que também é qualificada para os serviços. "Eu gostaria de fazer mais. Mostrar que se você for diferente com a máquina pública, que se você tiver responsabilidade de fazer os cortes e investimentos que precisam ser feitos, doa a quem doer, sem favorecer àquelas pessoas que estão mal acostumadas com o jeitinho brasileiro, é possível fazer uma cidade melhor." finaliza.




linhapopular sim




Logo branca.png

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina