Servidores do quadro geral também querem 6,81% de reajuste

10 Fevereiro 2018 07:34:00

Assembleia geral também aprovou campanha de valorização profissional

Em assembleia realizada na noite da última quarta-feira (07) no Centro Múltiplo Uso Alice Testoni, no bairro Areais, os servidores municipais aprovaram como reivindicação um reajuste de 6,81% para o quadro geral, mesmo índice que o Executivo enviou para a Câmara de Vereadores para os servidores do Magistério.  

Foi uma resposta ao anúncio da Prefeitura de que enviaria para a Casa um projeto de lei com reajuste de 2,95% para os funcionários do quadro geral. "Vamos protocolar o pedido para que seja pago índice igual para todos", conta Toni Fausto Frainer, presidente do Sindicato dos Servidores Municipais de Camboriú.

Toni destacou que a assembleia de quarta-feira teve presença maciça dos servidores do quadro geral. Normalmente, são os funcionários do Magistério a maior parte dos presentes. "Na Educação acredito que conseguimos atender as principais reivindicações. Ainda temos muitas para resolver, mas essa questão do reajuste nós conseguimos sanar. Foi um avanço", comemora ao lembrar das dificuldades dos dois últimos anos para que o Piso Nacional fosse respeitado já nos primeiros meses como sinalizou o Executivo.

A assembleia aprovou também investimento em campanha de valorização do servidor. Serão produzidos folders, adesivos e peças publicitárias pedindo valorização salarial e defendendo a revisão do plano de carreira.



linhapopular sim




Logo branca.png

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina