Linha Entrevista

10 perguntas para Pastor Eduardo

Foto: Divulgação

1 - Em seu ponto de vista, quais os grandes problemas da cidade? De que forma seria possível solucioná-los?
R:
Nos últimos 10 anos, nossa cidade cresceu de maneira descontrolada, passando a ser conhecida como cidade dormitório. Muitas pessoas vieram morar em Camboriú atraídas pela oportunidade de residir no litoral. A cidade tem uma população de aproximadamente 80.000 habitantes, porém o IDH é muito baixo e o orçamento muito pequeno comparado a cidades com populações equivalentes, isto dificulta muito o trabalho do poder público, além de gerar problemas urbanos como desemprego, mobilidade, segurança, saúde, entre outros.
Entendemos que a resposta para esta pergunta é bastante complexa e não queremos ser simplistas em apontar uma única solução para problemas tão difíceis. Porém podemos elencar algumas possibilidades, tais como:
- Desburocratização e incentivo a pequenos empreendimentos que valorizem a cultura local,dando oportunidade de inovação e a atração de novos investimentos, e a criação de laços entre os cidadãos e consequentemente a retenção do dinheiro na própria cidade, como por exemplo: comprar a merenda escolar de agricultores locais, criar veículos que estimulem os cidadãos usarem o comércio local para suas compras sem a necessidade de recorrer a outras cidades.
- Estímulo ao desenvolvimento do turismo rural. 

2 - O que está no caminho certo e o que precisa mudar em Camboriú? Sobre o trabalho do Legislativo, o que pode ser feito além do que já é oferecido?
R:
Um projeto muito importante que está sendo realizado pela prefeitura é o projeto prefeitura nos bairros, que tem como um dos objetivos promover o contato de prefeito, vereadores e secretários direto com os moradores, nesses encontros há a realização de uma série de atividades como recolhimento de entulho vacinação recreação , cuidados com a saúde , combate a dengue e muitos outras.  

3 - Você acredita que a Câmara Municipal está sendo produtiva na sua atuação em sintonia com o cidadão ?
R:
Não posso falar por todos, mas acredito que de maneira geral a Câmara Municipal está preocupada em solucionar os problemas da população. Através do site oficial da Câmara e das seções o cidadão pode acompanhar a demanda do Legislativo. Seria muito produtivo que a população estivesse mais presente nestas ocasiões. 

4 - O que tem feito para que cidadão que votou em você fique satisfeito com seu trabalho?
R:
Estou há poucos meses como vereador, mas tenho certeza que não estou decepcionando quem confiou seu voto a mim. Tenho me dedicado em atender o cidadão Camboriuense e me preocupado em fazer o melhor, buscando recursos e agregando valores na Câmara Municipal. 

5 - O vereador é o agente público mais próximo da população e é muitas vezes visto nas ruas . Atualmente, com a população desacreditada nos políticos, você se sente seguro para exercer seu trabalho ?
R
: Esta é uma das coisas que mais amo neste trabalho, estar junto à população, podendo fazer a diferença e vendo a alegria da população quando conseguimos atender suas reivindicações.
Inclusive uma das minhas prioridades é estar disponível em meu gabinete para ouvir a população. Sim com certeza me sinto totalmente seguro em exercer meu trabalho, pois entendo que quando existem transparência e honestidade envolvidas estamos seguros.

6 - O que um vereador precisa para realizar um mandato produtivo e que beneficie a comunidade? 
R:
A função do vereador é basicamente legislar e fiscalizar os atos do Executivo. Para legislar o vereador precisa ouvir a população e estar atento às suas necessidades. Para fiscalizar é necessário acompanhar de perto as ações do Executivo . 

7 - Como vereador você tem reivindicado melhorias para as comunidade? Como tem feito isso?
R:
Durante o curto período que estou no mandato pude acompanhar de perto alguns projetos, apoiando o projeto vereador mirim, prefeitura nos bairros, campanha de vacinação.
Fiz algumas indicações de melhorias em ruas no bairro Monte Alegre.
Estive em meu gabinete ouvindo solicitações e reivindicações da população, onde pude agregar auxílio a cidadãos camboriuenses.
 Estive em reunião na ALESC solicitando recursos para nosso município, que obteve bons resultados (Camboriú receberá em breve três novos veículos),dentre outras reuniões com objetivo de melhorias para população. 

8 - Qual a análise você faz dos três anos de administração do prefeito atual?
R:
Podemos apontar ações relevantes deste governo como o uso do hospital para cirurgias, a concretização do projeto da polícia militar sou estudante, sou cidadão, pavimentação de ruas, o movimento prefeitura nos bairros e tantos outros.Infelizmente o governo atual herdou muitos problemas deixados de governos anteriores. Colocar a casa em ordem não é fácil, mas o executivo está com muitos projetos em andamento. 

9 - Em relação à transparência, você acha que está sendo feito um bom trabalho na divulgação dos gastos da casa legislativa? E o que ainda precisa ser melhorado em relação a isso?
R:
O ano terminou com saldo de produtividade positivo na Câmara de Vereadores. Foram elaborados pelos parlamentares 57 projetos de leis, encaminhadas 1.329 indicações e apresentados 278 requerimentos. Mas penso que sempre é possível melhorar! Com muita dedicação, esforço e fé , junto à população podemos fazer muito mais! 

10 - Espaço para as suas considerações finais e mensagem aos nossos leitores.
R:
Sou grato a Deus , e aos eleitores que confiaram e acreditaram em mim , me comprometo a fazer o meu melhor , visando o crescimento e o bom andamento do nosso município Com humildade e muito trabalho creio que alcançaremos resultados positivos. 



linhapopular sim




Logo branca.png

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina