Auxílio alimentação para os servidores municipais é aprovado em primeira votação

Redução no valor pago nas diárias para motoristas também entrou em discussão e teve pedido de vistas por quatro vereadores

Foto: Divulgação/Sisemcam

Desde o final de agosto, a proposta do Executivo de conceder auxílio alimentação a uma parcela dos funcionários públicos têm pautado debates no Legislativo. Na sessão ordinária de terça-feira (18), o Projeto de Lei nº 030/2018 que formaliza a concessão do auxilio foi votado pela primeira vez pelos parlamentares e o documento foi aprovado por unanimidade. 

Os vereadores destacaram na discussão que não consideram a medida satisfatória. Com o projeto aprovado terão direito ao auxilio de R$ 150 os trabalhadores que recebem um salário de até R$ 1.250.

O projeto foi amplamente discutido na Câmara, e em assembleia com o Sindicato dos Servidores Municipais de Camboriú (Sisemcam), a maior reclamação é o fato do valor prometido inicialmente ser de R$ 200, 50 a mais do que o valor que será pago.

Diária dos motoristas

Outro assunto de interesse do servidor municipal que voltou a ser discutido em tribula é o Projeto 31/2018 que trata da redução dos valores de diárias pagas aos motoristas. O documento teve quatro pedidos de vistas na sessão do dia 11.

O vereador Adriano Gervásio (PSDB), comenta que foi motorista concursado há 20 anos e naquele tempo o valor era o mesmo de hoje. "A categoria está todo esse tempo sem receber reajuste e o Executivo ainda acha certo reduzir o valor?", questiona. Além do vereador, Jane Stefenn (REDE), José Simas (DEM) e Vilson Albino (PV) pediram vistas, agora os parlamentares terão 12 dias para analisar detalhadamente o projeto antes de votá-lo.




linhapopular sim




Logo branca.png

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina