Solidariedade: ajude a Ana

Campanha 'Ajude a Ana' traz show beneficente com Rafael Cortez

Evento tem como objetivo arrecadar fundos para pagar a cirurgia da moradora


por Nicolle Prado

O comediante Rafael Cortez realizará neste sábado (31), um show beneficente em prol da campanha Ajude a Ana, moradora do município que possui um tumor raro na medula. O evento acontecerá às 20h30min no Salão Paroquial Cristo Rei, localizado na Rua Manoel Anastácio Pereira, 216, no Centro de Camboriú.  

Rafael Cortez apresenta seu show de humor focado em Relacionamentos Afetivos. "O problema não é você, sou eu!" traz dicas de como um amante fracassado pode ter sorte no amor. Cortez mescla stand-up, interação com a plateia e RAP. 

O comediante foca no relacionamento e aborda temas como namoros, casamento, traição, sexo, virgindade, tipos de casais e relações, amor-livre, solteirice, separação e o que mais nascer do assunto.

Sobre a campanha Ajude a Ana

Há cinco anos, Ana Jacks descobriu que estava com um tumor raro na medula, conhecido como Tarlov. A partir disso, começaram a surgir muitas dores, até o momento que se tornaram insuportáveis a ponto de a impedir de continuar sua rotina. A solução para o problema seria a implantação de um neuroestimulador medular, aparelho que emite frequências que neutralizam a dor.  

O problema é que o aparelho tem um custo muito alto, cerca de 220 mil reais, que a paciente só conseguiu através da campanha Ajude a Ana, divulgada em toda a região e nas redes sociais. A cirurgia aconteceu em janeiro, no Hospital Dona Helena, em Joinville. Após a operação, Ana ficou bem e as dores diminuíram. Porém, no mês passado, o aparelho parou de funcionar, sendo necessário a troca do dispositivo.  

Devido a garantia, os custos da troca do aparelho foram cobertos, mas seria necessário o pagamento do custo da cirurgia, já que o hospital não quis absorver. Para custear essa nova cirurgia, Ana e seu marido, Eduardo Jacks, voltaram com a campanha para arrecadar o dinheiro, no valor de R$19,800,00. Através de pedágios, bingos e doações, o casal conseguiu uma parte do valor e fez um acordo com o hospital para que a cirurgia fosse realizada com urgência. Foi combinado que o saldo devedor fosse pago no quinto dia útil de setembro.  

Ana realizou a troca do dispositivo no dia 23 de julho, porém agora necessita arrecadar o restante do valor. "Agora que o pessoal vê que a Ana já fez a cirurgia e tá bem, a maioria para de ajudar." comenta Eduardo, "mas ainda precisamos pagar as contas".  

Devido às complicações e dores extremas, Eduardo teve que deixar o seu emprego em uma agência de publicidade para ajudar a mulher em casa. Agora, que ela está um pouco melhor, ele pode dar ínicio a um novo negócio, um restaurante delivery de carnes e lanches, o Parrillero, mas conta que como é tudo novo, ainda não pode tirar lucro.  

Para o marido, o mais complicado atualmente são as pessoas de má fé. No mês passado, o casal passou soube que duas pessoas estariam se passando por arrecadadores de prêmios para o bingo, quando na verdade, esses brindes não estavam sendo repassados. Outro caso que influenciou bastante, foi o caso AME Jonatas, que os pais utilizaram o dinheiro de campanhas para financiar luxos próprios, "antes disso, a gente recebia de 300 a 500 reais por semana, após o caso, as pessoas pararam de ajudar", diz Eduardo.  

Apesar das adversidades, Ana e Eduardo encontraram um amigo para ampará-los nessa caminhada. Logo quando souberam do tumor, o casal enviou e-mails para vários famosos, empresas e entidades para que pudessem ajudar de alguma forma, e foi assim, que o comediante e músico Rafael Cortez, apareceu. Rafael foi uma das poucas pessoas que respondeu o e-mail e fez uma grande colaboração para a campanha. "Ele não só colaborou, mas também se preocupava em saber se ela tava bem.", disse Eduardo. Nesse cinco anos e meio, Cortez sempre esteve presente e auxiliando o casal na arrecadação. Eduardo ainda acrescenta que atualmente, é difícil que as pessoas sejam assim, a maioria que ajuda, depois disso, não volta a entrar em contato.  

Quando descobriram que teriam que realizar a troca do aparelho, o casal comentou com o comediante, que disse que já deveriam retomar a campanha, pois provavelmente teriam que cobrir algum custo com a cirurgia. E foi assim que ele se ofereceu para realizar um show de Stand-up na cidade para pagar uma outra parte da operação realizada. "O Cortez vem na faixa mesmo" afirma Eduardo. Além disso, o Hotel Mercury ajudou com a hospedagem do comediante e a alimentação ficará por conta do casal.  

As ajudas continuam, mas mesmo assim, ainda são necessários cerca de cinco mil reais de arrecadação para que a dívida seja sanada até o começo de setembro. Apesar da visibilidade que o casal tem nas redes sociais, ainda faltam muitos ingressos para serem vendidos para chegarem à meta, "O pessoal não tá interagindo" comenta Eduardo, e ainda diz que há o entendimento que também existem muitas pessoas que também precisam de auxílio, "a cidade não comporta tanta ajuda", acrescenta.  

Quem quiser comprar ingressos e/ou ajudar a causa, pode entrar em contato com a família, pelos telefones: (47) 3050-9447 ou (47) 99261-1421.  

Serviço

O quê - O problema não é você, sou eu! Stand Up Comedy com Rafael Cortez

Quando: 31/08, às 20:30

Onde: Salão Paroquial Cristo Rei ( Rua Manoel Anastácio Pereira, 216)

Ingressos no local: R$40,00 (estudantes pagam meia entrada)






linhapopular sim




Logo branca.png

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina